2008/11/11

BAME nas Escolas

Inventário Museológico da Escola Secundária Passos Manuel

No âmbito do projecto de intervenção nas escolas secundárias levado a cabo pela Parque Escolar, EPE, terminou no passado dia 27 de Outubro o processo de inventariação do património museológico da Escola Secundária Passos Manuel onde foram identificados um total de 1316 objectos que se somam aos 814 já identificados e introduzidos no Matriz pelos professores, dos quais 591 estão disponíveis no MatrizWeb.

Fundado na sequência do diploma de Passos Manuel de 17 de Novembro de 1836, o Liceu Nacional de Lisboa viria a mudar sistematicamente de instalações – e de nome – até se instalar definitivamente em 1911 num edifício construído de raiz ao Largo de Jesus. A Escola Secundária de Passos Manuel não é somente a mais antiga do país, como aquela que se encontra sedeada há mais tempo no mesmo local. A estas circunstâncias soma-se o facto do antigo Liceu Central de Passos Manuel ter sido responsável pela distribuição de materiais didácticos oriundos das produtoras estrangeiras pelas capitais de distrito do país. Estes factos são de particular relevância pois permitem compreender a diversidade e extensão do espólio museológico.

Entre as colecções inventariadas (Ciências Naturais, Física, Geografia, Diapositivos em vidro e Fotografias) são de destacar os exemplares de aves e mamíferos classificados taxionomicamente, alguns instrumentos científicos e a colecção de diapositivos em vidro. A colecção de fotografias antigas da escola que foi localizada constitui-se como um dos meios mais importantes para a conservação da memória da Escola Secundária Passos Manuel.
H

Diapositivos em vidro
H
Legenda:
. Gare d'Orleans
. Guerreiros do Japão - Armamento dos antigos Samurai
. Camonesa cretense com traje tradicional grego

2008/11/03

BAME nas Escolas

Inventário Museológico da Escola Secundária Pedro Nunes

A Escola Secundária Pedro Nunes foi criada em 11 de Novembro de 1911 com a designação de Liceu Central de Pedro Nunes, tendo sido um dos primeiros liceus da capital. Situada na Av. Álvares Cabral, num edifício de autoria do arquitecto Miguel Ventura Terra, esta escola incorporou ao longo dos anos importantes colecções de materiais didácticos que hoje são o testemunho das experiências educativas e sua evolução no decurso do século XX.
No âmbito do projecto de intervenção nas escolas secundárias levado a cabo pela Parque Escolar, EPE, o processo de inventariação do património museológico desta escola terminou no dia 14 de Outubro, tendo sido inventariados pela equipa da Parque Escolar um total de 413 objectos. Salienta-se que esta escola integra, desde 2004, o Projecto de Inventário e Digitalização do Património Museológico da Educação da Secretaria-Geral, tendo actualmente 1012 objectos inventariados, dos quais 256 estão disponíveis na aplicação MatrizWeb.
Neste contexto, a identificação dos objectos de valor museológico e a sua consequente inventariação decorreu sobretudo nas salas de aula e gabinetes que dispunham de quadros parietais.


Destes objectos, destacam-se algumas peças elaboradas pelos alunos no contexto das actividades pedagógico-didácticas.
Relativamente aos laboratórios de Física e Química, estão a ser inventariados pela equipa de professores afecta ao projecto acima citado, de onde se destaca o espólio deixado pelo professor-metodólogo Dr. Rómulo de Carvalho (1906-1997), docente neste liceu.
Legenda:
. Os portugueses no mundo
. Relógio de Sol. Horas de manhã horas de tarde
. Formação Territorial da Prússia